O jeito certo de ficar ruiva (e linda)!

Com cada vez mais tipos de vermelhos no mercado, é importante saber, primeiro, qual tonalidade de ruivo faz a sua cabeça! Além de estilo, leve em conta o seu tom de pele. Para as morenas, são indicadas colorações mais quentes, puxadas para o marrom e para o vinho. Já as peles claras pedem ruivos igualmente mais claros, quase dourados. Está com medo de errar na mão? Comece com um tom bem similar ao do seu cabelo e vá “avermelhando” a partir daí!

Negros e castanhos: Comece por um ruivo intermediário e vá clareando, num processo gradativo. Outra opção é apostar em mechas escuras, adotando tons mais claros a cada retoque. Agora, se você quer um ruivo claro logo de cara, aí é preciso descolorir os fios, esperar pelo menos uma semana (seus fios precisam de descanso após um processo químico forte, como é a descoloração) e só então avermelhar os cabelos.

Loiros: Como os fios já são claros, uma aplicação já resolve. Mas… pelo mesmo motivo a tinta desbota com mais facilidade. Ou seja, tonalizantes e retoques são mais necessários que nos cabelos escuros.

Importante: Ruivo primeiro, liso depois. Isso porque alisamentos, progressivas e selantes impedem a tinta de se fixar no fio.

Manutenção: prefira produtos especiais para cabelos coloridos e, a cada quinze dias, hidrate e use um shampoo tonalizante, para manter o brilho do seu ruivo!

Abaixo, uma galeria de ruivas (algumas naturais, outras nem tanto), para você se inspirar!

Uma consideração sobre “O jeito certo de ficar ruiva (e linda)!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s